Somente no 1º trimestre, o prejuízo líquido do Grupo ultrapassou R$ 225 milhões.

O Nubank anunciou a saída de Larissa de Macedo Machado, mais conhecida pelo seu nome artístico Anitta, do conselho de administração da empresa.

O impacto da cantora na empresa brasileira foi menor do que os empresários esperavam. Somente no 1º trimestre, o prejuízo líquido do Grupo ultrapassou R$ 225 milhões.

A decisão vem à tona pouco mais de um ano após a cantora ter se juntado ao colegiado. Segundo a companhia, ela assumirá outra função.

Nos bastidores, é dito que o Nubank se organizou previamente para comunicar oficialmente a retirada, mas buscando preservar a imagem da funkeira.

Em nota, a startup brasileira informou que Anitta completará seu mandato no conselho na Assembleia Geral Ordinária de 2022.