Decisão elimina direito das mulheres norte-americanas a fazerem interrupção legal da gravidez.

A Suprema Corte dos Estados Unidos decidiu nesta sexta (24/06) derrubar a decisão que garantia o direito das mulheres a abortar no país.

Por seis votos contra três, os juízes derrubaram a chamada Roe contra Wade, uma decisão histórica da própria Suprema Corte da década de 1970 que estabeleceu o direito ao aborto nos Estados Unidos.

A decisão, já adiantada por um rascuho vazado em maio, representa uma vitória para o partido Republicano e as alas conservadoras e religiosas do país, que queriam proibir a interrupção legal da gravidez.

O entendimento da nova e surpreendente decisão da Corte foi o de que a Roe contra Wade foi decidida erroneamente uma vez que a Constituição dos Estados Unidos não faz menções específicas sobre o aborto.

Mais informações em G1.