Após quase 30 dias de espera e solucionar pendências com a Capitania dos Portos, embarcação foi liberada para fazer a travessia Ponta da Espera/Cujupe.

Começou a operar, nesta terça (28), no Maranhão a embarcação José Humberto, adquirida pelo governo do Maranhão para aumentar o número de balsas na travessia da baía de São Marcos.
A embarcação, que é do Pará, estava com documentação pendente junto à Capitania dos Portos, mas depois de quase 30 dias conseguiu sanar as pendências.

A primeira viagem aconteceu à 8h15, com a presença do presidente da Agência Estadual de Mobilidade Urbana (MOB), Celso Henrique Borgneth.

A balsa passa a operar somente com 50% da capacidade, segundo exigência da Capitania dos Portos.

Crise

A embarcação José Humberto foi adquirida pelo governo estadual após crise no transporte aquaviário para a travessia de São Luís para o Porto de Cujupi, na Baixada Maranhense.

Das quatro embarcações que faziam o trajeto, duas pararam para manutenção, provocando caos no transporte aquaviário.